Sábado, 30 de Agosto, 2014

Rio de Janeiro ganha QR Code feito em calçada portuguesa

Trabalho em calçada portuguesa na Praça Tiradentes, no Rio, permitirá a quem a fotografar com o celular aceder a informação histórica, fruto da colaboração da empresa portuguesa Partners e da Câmara Portuguesa de Comércio do Rio.

Rio de Janeiro - Para marcar o encerramento do Ano Brasil Portugal, a empresa de publicidade portuguesa Partners, com o apoio da Câmara Portuguesa de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro, presenteou a cidade do Rio de Janeiro com um QR Code feito em calçada portuguesa.

O lançamento da obra aconteceu no último dia 10, em evento no Palácio São Clemente, com a presença do secretário de Conservação da Prefeitura do Rio de Janeiro, Marcus Belchior Corrêa Bento; da secretária de Defesa do Consumidor da Prefeitura do Rio, Solange Amaral; do CEO da Partners, Tomás Froes,  do presidente da Câmara Portuguesa de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro, Paulo Elísio de Souza, entre outras personalidades.

"A fusão entre duas coisas tão distintas é de fato aquilo que torna esta ideia muito poderosa e que suscita muita curiosidade por parte daqueles que com ela se cruzam. É a substituição de pixels (a tecnologia) por pedras (a tradição) que faz do QR Code em calcada Portuguesa uma ideia única e que acreditamos vai ajudar a melhorar ainda mais a cidade do Rio", afirmou Tomás Froes, CEO da Partners.

"O envolvimento da Câmara Portuguesa do Rio neste projeto é mais ação voltada para o incremento das relações entre Brasil e Portugal, que contribui ainda mais para estreitar os laços culturais entre os dois países", enfatizou o presidente da entidade, Paulo Elísio de Souza.

A peça, instalada na Praça Tiradentes, em frente à  estátua equestre de D. João VI, simboliza uma das mais antigas artes comuns aos dois países, a calçada portuguesa, com a mais avançada tecnologia mobile do século XXI , o QR Code.

Inaugurada em 10 de junho de 1965, a estátua equestre do rei  D. João VI foi um presente do povo de Portugal à cidade do Rio de Janeiro, por ocasião dos festejos do quarto centenário de sua fundação. Da autoria de Salvador Barata Feyo , escultor português, a estátua foi colocada no local onde o rei teria desembarcado em 1808.

Uma cópia dela encontra-se na rotunda do Forte de São Francisco Xavier do Queijo, na Praça de Gonçalves Zarco, na cidade do Porto, em Portugal. Partindo de instruções do escultor, o posicionamento das estátuas foi feito de forma que elas ficassem voltadas uma para outra, simbolizando a ligação entre dom João VI e os dois países, Portugal e Brasil.

Essa ligação também foi simbolizada pela presença de um globo terrestre com a cruz de Cristo sobre ele, que a figura de Dom João leva na sua mão direita.  O globo terrestre com a Cruz de Cristo é um símbolo da história de Portugal, significando descoberta, conquista e navegação.

Também o QR Code em calçada portuguesa atravessará o Atlântico, instalado nas duas cidades, Rio de Janeiro e Porto, junto á mesma estatua, simbolizando assim, e uma vez mais, a ligação entre os dois países, com conteúdos históricos e turísticos  relevantes para as duas cidades.

Adicionar comentário

Seu apelido/nome:
seu email:
Comentário: