Sexta, 31 de Outubro, 2014
31/10/2014

Governo Central tem déficit de R$ 20,4 bilhões em setembro

O resultado primário do Governo Central (Banco Central, Tesouro Nacional e Banco Central) foi deficitário em R$ 20,4 bilhões, em setembro, o que demonstra elevado aumento de gastos ante o déficit de R$ 10,4 bilhões no mês anterior.

Leia mais

31/10/2014

Durão Barroso termina uma década à frente da Comissão Europeia

O antigo primeiro-ministro português esteve dez anos na presidência da Comissão Europeia, que agora deixa nas mãos de Jean-Claude Juncker. Durão Barroso faz um balanço positivo e deverá ser condecorado pelo presidente português na segunda-feira.

Leia mais

31/10/2014

PSDB pede ao TSE auditoria especial do resultado das eleições

PSDB diz que tem "absoluta confiança" de que o tribunal garantiu a segurança do pleito, mas pretende tranquilizar eleitores que levantaram, por meio das redes sociais, dúvidas em relação à lisura da apuração dos votos.

Leia mais

30/10/2014

Presidente do Senado pede diálogo entre governo e Congresso

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), diz que o Palácio do Planalto não deve temer uma pauta bomba no Congresso. Segundo ele, a rejeição do decreto presidencial que criaria conselhos populares era esperada por se tratar de assunto polêmico.

Leia mais

30/10/2014

Henrique Alves diz que votação de PEC que aumenta repasse aos municípios é inevitável

A ameaça de pautas controversas na Câmara dos Deputados, que acarretem mais gastos para o governo, motivou mais uma tentativa de retomada de diálogo entre o Executivo e o Legislativo.

Leia mais

30/10/2014

Petrobras divulga nomes de empresas privadas contratadas para investigar corrupção na estatal

Em nota, a Petrobras confirmou a contratação de uma empresa brasileira, Trench, Rossi e Watanabe Advogados, e uma norte-americana, Gibson, Dunn & Crutcher LLP, para apurar as denúncias feitas pelo ex-diretor Paulo Roberto Costa.

Leia mais

30/10/2014

Comissão do Senado quer ouvir presidente da Petrobras sobre importação de gás boliviano

A Comissão de Relações Exteriores (CRE) do Senado aprovou convite para que a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, compareça ao plenário da comissão a fim de debater os termos do contrato firmado entre a estatal Petrobras e o governo da Bolívia para a compra, pelo Brasil, do excedente energético de gás natural boliviano.

Leia mais