Segunda, 25 de Maio, 2015
22/05/2015 por Letícia Ferreira

Gramática, para que te quero

Mesmo com seus preciosismos dispensáveis, a padronização que a gramática normativa proporciona à língua deve servir para que os falantes dessa língua se entendam da melhor forma possível.

Leia mais

19/05/2015 por Alfredo Prado

Olha, vendam tudo!

O peito alteou-se, os olhos lacrimejaram, pareceu-me que uma lágrima se soltou e escorreu pelo rosto trigueiro, próprio das moçoilas do sul ibérico, a prova de que a miscigenação não é uma dádiva dos deuses exclusiva do Brasil.

Leia mais

18/05/2015 por Carlos Fino

Aparecida em Fátima

Na ausência de iniciativas políticas marcantes, não espanta por isso que seja a Igreja Católica que, fazendo jus ao seu imenso papel histórico no Brasil, tenha a visão estratégica e a iniciativa prática que parecem faltar aos decisores do Estado.

Leia mais

15/05/2015 por Vítor Ramalho

Uma homenagem que já tardava

É que não há futuro sem memória e as relações estratégicas dos países cujos povos falam e pensam em português estão longe de se confinarem aos mercados. É preciso ir mais fundo nessas relações que se entrecruzaram em afetos. Daí a justeza da homenagem. Que já tardava. Por todos nós e pelo futuro.

Leia mais

12/05/2015 por Rosana Tonetti

Uma simples questão de berço

Há alguns dias, estava eu no supermercado quando um homem, entre 35 e 40 anos, cruzou meu caminho com tamanha celeridade, segurando um bebê no colo, que juro que senti o carrinho de compras dar um giro de 360 graus. Parecia o Papa Léguas ao passar zunindo pelo coiote. Só faltou se virar e fazer bip-bip!

Leia mais

11/05/2015 por Carlos Fino

Vitória contra o nazismo – o seu a seu dono

Seja como for, no que respeita à derrota do nazismo, não pode haver dúvidas – o sacrifício dos soviéticos, em particular dos russos, foi crucial. E é de elementar justiça reconhecê-lo. O seu a seu dono.

Leia mais

08/05/2015 por *Luiz Carlos Borges da Silveira

Necessidade de um novo pacto federativo

Está ganhando força a discussão em torno do necessário estabelecimento de um novo Pacto Federativo para descentralizar a distribuição dos recursos tributários, restabelecendo a autonomia financeira das unidades federativas e seus municípios.

Leia mais