Sexta, 21 de Novembro, 2014

Economia portuguesa cresceu 1,6% no último trimestre de 2013

A recuperação da procura interna apresentou um contributo positivo para a variação do PIB, o que já não se verificava desde o quarto trimestre de 2010, segundo o Instituto Nacional de Estatística.
Economia portuguesa voltou a crescer.

Lisboa - O Instituto Nacional de Estatística (INE) confirmou esta sexta-feira a tendência de recuperação da economia portuguesa no final de 2013, revelando que o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 1,6% no último trimestre do ano, em comparação com o mesmo período de 2012.

Este desempenho contrasta com a redução de 0,9% observada no trimestre anterior, de acordo com a estimativa rápida das Contas Nacionais Trimestrais do INE.

"Esta evolução foi determinada, em larga medida, pela recuperação da procura interna, que apresentou um contributo positivo para a variação homóloga do PIB, o que não se verificava desde o quarto trimestre de 2010, reflectindo principalmente o comportamento do consumo privado", explica o INE.

De acordo com a mesma fonte, "o contributo positivo da procura externa líquida aumentou devido à aceleração das exportações de bens e serviços".

Comparativamente com o trimestre anterior, o PIB aumentou 0,5% em termos reais (após um crescimento de 0,3% no terceiro trimestre).

Apesar do desempenho positivo do final do ano, para o conjunto do ano 2013, o PIB diminuiu 1,4% em volume (após uma variação negativa de 3,2% no ano anterior).

Adicionar comentário

Seu apelido/nome:
seu email:
Comentário: